Responsabilidade social corporativa

set 14

Você sabe o que é a Responsabilidade Social Corporativa (RSC) ou conhece quais práticas sua indústria pode realizar para adotar este conceito?

A RSC ganha cada vez mais importância no planejamento estratégico das empresas, e influencia em diversas áreas da organização.

Neste artigo você verá o que significa a Responsabilidade Social Corporativa e como ela impacta na atuação da sua empresa no mercado. Além disso, reunimos algumas ações que podem fazer parte da sua política de RSC, desde aspectos internos da indústria, como a produção, até o relacionamento com fornecedores e concorrentes.

Boa leitura!

O que é a Responsabilidade Social Corporativa?

A Responsabilidade Social Corporativa (RSC), apesar de não ser um conceito relativamente novo, vem ganhando destaque nos últimos anos entre diversos setores do mercado.

O conceito de RSC se refere à maneira como uma organização trabalha em busca de beneficiar todos os seus stakeholders e garantir um crescimento sustentável. Isso deve ser feito respeitando a ética e a cultura organizacional da empresa.

Segundo a Fundação Instituto de Administração, “organizações socialmente responsáveis são aquelas que repensam suas posturas, comportamentos e condutas atuais e, dessa forma, se estruturam para colocar em prática atitudes que promovam o bem-estar dos envolvidos.”

Portanto, uma empresa que deseja desenvolver uma Responsabilidade Social Corporativa precisa manter um compromisso contínuo com seus valores e a busca por um desenvolvimento sustentável.

Ter a RSC na sua indústria significa criar estratégias, processos e ações que envolvam o negócio como um todo: desde a gestão de pessoas até os aspectos econômicos e ambientais.

Ainda, as empresas devem considerar a influência a longo prazo que suas atividades possam gerar na sociedade, e buscar maneiras de minimizar os impactos negativos ou até mesmo eliminá-los.

Conforme matéria do portal Globo, a RSC “exige estratégias de longo prazo em relação ao ambiente de trabalho e cultura da empresa, todas as cadeias de abastecimento, base de clientes, comunidades mais amplas e o meio-ambiente.”

Por fim, quem busca estar alinhado à RSC também deve considerar os demais tipos de responsabilidade que uma organização pode exercer na sociedade. Os 3 pilares da Responsabilidade Social se complementam e devem funcionar de maneira integrada na gestão do negócio:

  • Responsabilidade Social Corporativa (RSC);
  • Responsabilidade Social Empresarial (RSE);
  • Responsabilidade Social Ambiental (RSA).

Frase destacada: É preciso reforçar a Responsabilidade Social no âmbito corporativo, empresarial e ambiental.

Por que sua indústria têxtil deve adotar a RSC?

Você certamente notou o impacto que uma gestão alinhada à Responsabilidade Social Corporativa pode ter em uma empresa. Mas, você sabe por que este conceito pode ser aplicado em sua indústria têxtil?

O primeiro ponto a se destacar é que a RSC e as demais ações que reforcem a Responsabilidade Social da empresa — seja no âmbito corporativo, empresarial ou ambiental — impulsionam a sua cultura organizacional, refletindo na prática dos valores do negócio.

Ao entender como sua indústria pode exercer sua Responsabilidade Social, levando esta análise ao nível tático e operacional, os resultados da indústria passarão a se alinhar com o plano estratégico da empresa.

Também é preciso compreender que a indústria gera um grande impacto no meio ambiente, e apenas uma atuação responsável e consciente é capaz de minimizar os efeitos negativos e encontrar novos meios de produção mais sustentáveis.

Isso nos leva ao fato de que o comportamento do consumidor vem mudando ao longo dos anos, e o mercado vê cada vez mais uma crescente preocupação em relação às questões sociais e o posicionamento das empresas. Os consumidores deixaram de comprar avaliando apenas as características dos produtos, agora a Responsabilidade Social já faz parte da decisão de compra.

Portanto, as empresas que adotam a RSC também ganham maior competitividade no mercado, aumentando suas chances de estarem entre os líderes do segmento.

Boas práticas alinhadas à Responsabilidade Social Corporativa

Agora que já entendemos qual a importância da RSC para uma organização, podemos definir algumas práticas que sua indústria têxtil pode incluir em seu plano de ação para se alinhar a este conceito.

O primeiro passo, caso você ainda não o tenha feito, é criar uma política de Responsabilidade Social. Esta política servirá para documentar quais estratégias de RSC sua indústria deseja planejar e colocar em prática.

Além disso, será um registro para tornar as ações da empresa mais transparentes para todos os stakeholders, tanto o público interno como externo. Ainda, a política pode servir como um apoio para que os colaboradores da indústria entendam suas diretrizes e atuem de maneira alinhada à organização.

Responsabilidade social corporativa

Crie uma política de Responsabilidade Social para documentar as estratégias da sua empresa.

Outros pontos que podem fazer parte da sua Responsabilidade Social Corporativa:

Gestão da produção e cuidado com os colaboradores

O maquinário de uma indústria têxtil é uma das partes fundamentais para manter a produção. Mas, máquinas antigas e com defeitos podem trazer impactos para o meio ambiente, improdutividade e falta de segurança para os colaboradores.

Por isso, modernizar os equipamentos da indústria, utilizar máquinas certificadas e buscar soluções inovadoras ajuda a reduzir os custos, bem como os impactos negativos no meio ambiente, além de proporcionar maior segurança a todas as pessoas envolvidas no processo de produção.

Também faz parte da RSC proporcionar oportunidades aos colaboradores da empresa e desenvolver políticas para garantir a solução de problemas e reclamações. Estar atento às obrigações legais e normas que garantam os direitos dos trabalhadores precisa ser uma prioridade.

Ainda, a indústria deve realizar um recrutamento responsável, com foco na inclusão e diversidade.

Transparência na relação com o Estado

É de responsabilidade da organização manter uma relação transparente com o Estado, fornecendo todas as informações necessárias para o governo, atendendo as leis e regulamentos do setor e realizando o pagamento correto dos seus impostos e obrigações fiscais.

Esta atuação contribui diretamente para o desenvolvimento econômico do setor, além da credibilidade da empresa com seus demais stakeholders.

Manter um bom relacionamento com fornecedores e concorrentes

A relação entre indústria e fornecedor deve ser benéfica para ambas as partes. Para isso, além de cobrar por vantagens e preços competitivos, a indústria também precisa cumprir com suas responsabilidades para manter um relacionamento de parceria com seus fornecedores.

Ainda, é preciso garantir que a concorrência com outros players do mercado se mantenha ética e saudável, respeitando os valores de cada organização e contribuindo para o segmento.

Causas sociais que contribuam com a comunidade

A RSC também envolve a contribuição com causas sociais que façam parte das políticas e preocupações da empresa, sempre buscando o desenvolvimento da comunidade e do cenário econômico.

Minimizar o impacto ambiental

Uma indústria têxtil socialmente responsável deve assegurar que seus meios de produção respeitem o ambiente e gerem o mínimo possível de impacto. Ainda, planejar e desenvolver ações para reduzir estes impactos e eliminar resíduos dos seus processos é essencial.

Mais uma vez, a tecnologia e inovação são indispensáveis para alcançar este objetivo e tornar seus produtos mais sustentáveis.

Sua indústria já pratica a RSC?

E então, quais práticas sua indústria pratica para se tornar uma organização socialmente responsável?

Neste artigo apresentamos o conceito de Responsabilidade Social Corporativa, sua importância para as indústrias do segmento têxtil, e algumas das principais práticas que devem fazer parte de uma empresa socialmente responsável.

Esperamos que o conteúdo tenha gerado insights para o plano estratégico da sua empresa! Para receber em seu email mais conteúdos como este, além de notícias do mercado e materiais gratuitos, cadastre-se em nossa newsletter.